X

Na semana passada Ion Hazzikostas, Lead Designer de World of Warcraft, deu uma entrevista para o site Polygon falando sobre o patch 6.2. Logo vem um post falando sobre todos os pontos mencionados por ele, mas um item em especial chamou muita atenção: a Blizzard não tem planos de liberar o vôo em Draenor, e nem nas próximas expansões. Desde o início de WoD a Blizz diz que teríamos vôo ’em um patch futuro’, e parece que finalmente tiveram coragem de anunciar a decisão final sobre o assunto.

A notícia causou uma comoção enorme na comunidade, especialmente pelo sentimento de falta de transparência da Blizzard com os jogadores – a confirmação disso foi feita em um site externo, em uma entrevista, na véspera de um feriado americano, ou seja: sem CMs pelos fóruns para ver a reação imediata dos jogadores, e o retorno deles só quando tudo estiver mais calmo.

Primeiro, vamos à declaração do Ion:

“Depois de analizar como o vôo funcionou pelo mundo nas últimas expansões, nós percebemos que enquanto nós estávamos mantendo um hábito adquirido depois da chegada do vôo em The Burning Crusade, ele estava na realidade prejudicando o gameplay em vários sentidos. Enquanto existe uma certa conveniência em poder explorar totalmente o mundo em três dimensões, isso veio às custas de experiências como explorações guiadas, como descobrir o que tem no alto daquela caverna em cima da colina, e como chegar lá. Isso tornou o mundo muito menor, em vários sentidos.”  

Um exemplo clássico são as missões de liberação de prisioneiros, que antes requeriam que a gente andasse por todo o acampamento inimigo pra libertar o prisioneiro, e com o vôo bastava ir direto ao local onde ele estivesse, o liberasse e saísse voando de novo – uma praticidade que tira muito da imersão do jogo.

Segundo a Polygon, Ion disse que foi uma experiência tirar o vôo de WoD, e que ele teria apostado alto que iriam trazer essa funcionalidade de volta – mas que ao jogar e observar outras pessoas jogando a expansão, descobriram que ~preferem~ o jogo sem vôo. “O mundo parece maior, mais perigoso, existe mais espaço para exploração, para segredos, descobertas e imersão no mundo. Hoje, nós sentimos que o gameplay externo em World of Warcraft é melhor sem vôo. Nós não vamos retornar a habilidade de voar em Draenor, e provavelmente será esse o direcionamento daqui pra frente” – e esse daqui pra frente inclui expansões futuras. “A exploração do mundo funciona melhor e é melhor aproveitada em nossa visão quando é feita do solo”, ele completa.

Em contrapartida, ele promete que a Blizzard vai continuar melhorando as formas de viagem – seja pontos de vôo, portais ou quaisquer outros meios – para que as pessoas cheguem com facilidade a qualquer lugar, mas que a experiência de jogo depois de chegar nesse ponto seja a mais profunda possível.


Pessoalmente, acho que pior que não atender a esse pedido dos jogadores, a Blizzard errou em anunciar algo tão impactante no gameplay de todos dessa forma. Mas o próprio Ion disse no twitter que eles estão lendo e considerando tudo o que está sendo dito sobre o assunto, mas que a resposta não será imediata:

“É um fim de semana com feriado, então não haverá uma resposta imediata, mas por favor saibam que vocês não estão sendo ignorados. Estou lendo tudo. Até os comentários mais desagradáveis. Especialmente os mais desagradáveis. Eu entendo que vocês só querem continuar aproveitando um jogo que vocês amam.”

Eu sinto falta de voar em Draenor. Deixei de aproveitar muita coisa que gosto – como arqueologia e exploração, por exemplo – porque é muito mais demorado e complicado sem o vôo, e as rotas de vôo atuais, apesar de numerosas, estão longe de servir completamente ao que precisamos. Por outro lado, entendo o que a Blizzard quer fazer – devolver ao jogo um pouco da imersão que um RPG requer. Mas pra mim não faz sentido fazerem isso tirando vôo, e enfiando 34508349073045 mil menus pra gente clicar e NÃO ir fazer coisas na guarnição, só mandar nossos peões. 

O que acham?