Guia Geral de Tanque: do Básico ao Avançado

25/08/16, por

Olá, pessoal! Aproveitei o tempo livre entre o pré-patch e o lançamento de Legion para organizar um Guia Geral de Tanque que serve tanto para jogadores novos quanto para jogadores mais experientes, mas que ainda não estão seguros o suficiente para saírem tankando por aí. Vocês encontrarão informações básicas, como o que é um tanque e como ele deve agir, até informações mais avançadas, como posicionamento, nível de ameaça e agressividade. Confiram abaixo: Em breve teremos o Guia Geral de Curandeiros também, então fiquem ligados! 😀 Boa semana! 💋

[Modo Desafio] Última chamada! Com o que equipar seu Tanque!

vitoria modo desafio - challenge mode

E isso aqui é só para te lembrar que o Modo Desafio esta acabando e você que ainda ta mais perdido que barata tonta em ponche de baile. Aqui vamos dar umas últimas dicas  (para tanques) que não constaram em nenhuma parte dos demais guias. “Ai, qual equipamento eu uso?” Vamos listar pelo menos 2-3 itens de cada slot (caso tenham tantas opções assim, claro) para você correr atrás antes que não dê mais (oh, até rimou!). Lembrando que, esses itens não são obrigatórios, mas eles vão te ajudar bastante a potencializar suas habilidades dentro do modo desafio. Um outro aviso é, os itens listados abaixo foram escolhidos pelo seguinte fator: “Você ta atrasada(o) e precisa de itens rápido.” Mas vou colocar um link em cada parte, para que vocês possam ver outras opções de itens e onde consegui-los. Pular para listagem da classe: Dicas gerais Você pode até usar...

[Warlords of Draenor] Mudanças no Tanque

As mudanças aos tanques feitas em Mists of Pandaria ficaram bem boas no geral. Mas havia algumas partes que queríamos melhorar. A maior são as capacidades ofensivas de Vingança. Nós gostamos do fato de que tanques podem fornecer DPS para seu grupo, no entanto, isso variava muito dependendo da luta, até mesmo ultrapassando às vezes o dano contínuo dos jogadores DPS. Para resolver isso, vamos remover o valor ofensivo de Vingança, mas preservar o valor defensivo, fazendo com que essa habilidade aumente o efeito dos seus botões de mitigação ativos, em vez do Poder de Ataque.

Como deixar seu tank feliz em 5 passos

Não importa a quantidade de dano que você causa ou o quanto você pode curar, os Tanks são os membros mais resistentes de um grupo, e sua função é atrair a atenção dos monstros para que os Dps possam derrubá-los, enquanto o Healer o mantém vivo. Portanto, ajudá-lo é ajudar a si mesmo e ao grupo. 1) Cuidado com o aggro. Você se lembra deste aviso em “Como deixar seu healer feliz em 5 passos“? Este cuidado simples ajuda tanto o Healer quanto o Tank, ajuda todo o grupo na verdade. Apesar do Tank – independente da classe – possuir formas de segurar a atenção dos alvos, não custa nada segurar o ímpeto de ficar em primeiro lugar na lista de Dps e aguardar alguns poucos segundos antes de começar sua rotação. Ataque sempre o mesmo alvo de seu Tank, e dê a ele o tempo necessário para gerar uma...



Por que não ser tank ou healer?

03/06/11, por

No ano passado, postei um texto perguntando se ‘os healers realmente gostam de curar’, onde surgiram vários depoimentos – mais do que eu esperava – de players defendendo com paixão a arte e a responsabilidade de curar no WoW. Mas a realidade é que não é tão fácil encontrar healers e tanks por aí. Alguns não gostam do stress que esses papéis representam, outros evitam  a situação de ser xingado depois de um wipe, há ainda os que preferem o ambiente mais competitivo e não querem saber de liderar grupo, coisa que normalmente ocorre com os tanks. No entanto, vamos ver a coisa de outro ângulo: além de ter fila instantânea para qualquer coisa, não precisar ficar disputando com outros no Recount,  ter maior poder de decisão em um grupo e não precisar ficar preso à uma rotação tão específica, esses papéis ainda são beneficiados com menos disputa em drops...

…Então você deve ser um tank ruim

18/08/10, por

No site do Big Bear Butt, vários players postaram comentários sobre o que poderia definir um tank ruim! São dezenas de frases, traduzi algumas e adicionei outras de erros que eu cometo e tal: Se você puxa um monte de mobs com o healer sem mana… Se você perde mais tempo criticando a gear de um player do que gerando aggro… Se você não sabe o que seus cooldowns fazem, nem em que lugar da barra eles estão… Se você é paladino e não está com o Righteous Fury ligado… Se você não é um death knight e wipou no primeiro pull por estar usando uma 2-hand… Se você só percebe depois do segundo wipe (o primeiro é até perdoável) que estava com a gear de dps… Se os healers geram mais threat do que você… Se você se pergunta por que todos do grupo morreram menos você… Se você...

O primeiro taunt a gente nunca esquece

12/04/09, por

Já comentei aqui que durante o período de espera de Ulduar, estou me aventurando numa paladina. Protection. Pois então, essa paladina ex-alt-banco chegou em Northrend. Ao pegar 70, fiz o set de cobalt de 8 peças com o Elrric e mesmo sem ter tankado nem um squirrel, me senti poderosa pra tankar Utgarde Keep. Pois bem. Não é só meu primeiro tank, como também meu primeiro melee, meu primeiro não-cloth-user (tenho priest, mage, lock). Além de ter que me acostumar a escolher novas stats, novas armas e o tipo de gear, as coisas são bem diferentes no combate corpo a corpo. A Utgarde Keep não foi difícil, ninguém morreu e completamos fácil. Mas como o primeiro taunt a gente nunca esquece, então deixo aqui minhas primeiras impressões pós tank: Distância. Ou estava perto demais, ou longe demais, ou pro lado demais, ou do lado errado. Ser caster é bem mais...